Pedagogia

facc - Padronização Layout Site-04

O Curso de Pedagogia da Faculdade Católica de Mato Grosso (FACC-MT) tem como princípio formar pessoas por meio do ensino, capacitando-as para a promoção da inclusão social, da justiça e da solidariedade no intuito de ser uma referência regional, consolidando-se como um curso que fomenta ideais e propostas coletivas, fundamentados na qualidade, na ética, no profissionalismo e na busca do crescimento tanto individual quanto coletivo

Essa missão e visão se evidencia no projeto pedagógico do Curso de Pedagogia, com a formação de professores para exercer a docência em educação infantil, anos iniciais do ensino fundamental, educação  de jovens e adultos, e para além do contexto escolar, mediante a transversalidade trabalhada em consonância com os novos paradigmas. Com isso, o curso prepara professores gestores da própria carreira profissional, com competência para o mercado e habilidoso consigo.

O desenvolvimento do projeto pedagógico do curso apresenta-se diante de uma política educacional redirecionada ao atual momento de transformação social, em que se combinam elementos tradicionais, que devem ser mantidos por estarem respondendo ao projeto de sociedade que se deseja, com elementos que respondam com maior eficiência aos desafios desta época. 

O campo da Pedagogia é dirigido – nos termos das Diretrizes Nacionais – à “formação inicial para o exercício da docência na Educação Infantil e nos anos iniciais do Ensino Fundamental, nos cursos de Ensino Médio, na modalidade Normal, e em cursos de Educação Profissional, na área de serviços e apoio escolar, bem como em outras áreas nas quais sejam previstos conhecimentos pedagógicos” (BRASIL, 2006).

Objetivo

O pedagogo formado pela Católica de Mato Grosso será, portanto, um educador em sentido amplo, e não deve restringir-se às meras questões técnicas de uma profissionalização estreita. A formação suporá “um repertório de informações e habilidades composto por pluralidade de conhecimentos teóricos e práticos, cuja consolidação será proporcionada no exercício da profissão, fundamentando-se em princípios de interdisciplinaridade, contextualização, democratização, pertinência e relevância social, ética e sensibilidade afetiva e estética” (BRASIL, 2006).