Papa espera um futuro de paz e amor, livre do ódio, do extremismo e do terrorismo

Papa-Francisco-e-o-Grande-Imame-de-Al-Azhar-Abu-Dhabi_Toni-Gentile-Reuters

Publicado em: 4, fevereiro/2020

O papa Francisco enviou uma mensagem em vídeo, nesta terça-feira (4 de fevereiro), aos participantes da Conferência sobre o Documento de Abu Dhabi, realizada nos Emirados Árabes Unidos. Há exatamente um ano, o Pontífice e o Grão Imame de Al-Azhar assinaram o Documento sobre a Fraternidade Humana em prol da Paz Mundial e da Convivência Comum.

A mensagem do papa também foi direcionada, em especial, a todas as pessoas “que na humanidade ajudam os irmãos pobres, doentes, perseguidos e frágeis sem olhar a religião, a cor, a raça a que pertencem”.

“Hoje celebramos o primeiro aniversário desse grande evento humanitário, esperando um futuro melhor para a humanidade, um futuro livre do ódio, do rancor, do extremismo e do terrorismo, em que prevaleçam os valores da paz, do amor e da fraternidade”.

As iniciativas em prol da fraternidade – Na celebração do aniversário de um ano do documento, o papa também expressou o apreço dele pelo apoio oferecido pelos Emirados Árabes Unidos ao trabalho do Comitê Superior para implementar o histórico documento. O Pontífice, assim, agradeceu a iniciativa da casa inter-religiosa “Abrahamic Family House”, um projeto que irá acolher, em Abu Dhabi, uma mesquita, uma sinagoga e uma igreja dedicada a São Francisco de Assis.

Ao finalizar a mensagem em vídeo, o papa também agradeceu por poder participar do anúncio do Prêmio “Fraternidade Humana”:

“Estou feliz, então, de poder participar desse momento de apresentação ao mundo do Prêmio Internacional da Fraternidade Humana, para que sejam encorajados todos os modelos virtuosos de homens e mulheres que, neste mundo, encarnam o amor através de ações e sacrifícios realizados para o bem dos outros, não importa o quanto sejam diversos por religiões ou per pertença étnica e cultural, e peço a Deus Onipotente de abençoar todo esforço que favoreça o bem da humanidade e nos ajude a seguir adiante na fraternidade”.

Com Andressa Collet – Vatican News (Cidade do Vaticano)